A Mostra

A Mostra Maracá é um evento criado para visibilizar, discutir e fortalecer a produção audiovisual indígena do Nordeste, Norte de Minas e Espírito Santo, seus coletivos e realizadores. Este espaço de partilha e exibição da produção faz parte de um projeto mais amplo, e anuncia o lançamento da Plataforma Narrativas Indígenas que estará no ar até março de 2022 e abrigará um acervo audiovisual indígena com o objetivo de ser um espaço de diálogo intercultural, troca de experiências e de visibilidade das lutas por saúde, dignidade, direitos territoriais e preservação cultural desses povos indígenas.

Em sua primeira edição, trazemos ao público 61 filmes de curta e média-metragens realizados por diretoras e diretores indígenas de 16 etnias diferentes, mostrando a riqueza e a diversidade cultural desses povos e de sua produção audiovisual. Organizados em 11 programas por eixos temáticos e 2 sessões especiais de lançamentos de filmes, a mostra contará ainda com 3 mesas de debate. Este recorte foi realizado a partir dos filmes que já fazem parte do acervo da plataforma, que foi articulado a partir de uma pesquisa inicial da produção audiovisual desta região, e da rede de contatos que conseguimos construir nesse primeiro momento. A Mostra Maracá é uma apresentação e um convite para que todos os coletivos audiovisuais indígenas, núcleos de produção, realizadores e realizadoras indígenas – inicialmente das etnias na área de atuação da Articulação dos Povos e Organizações Indígenas do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo/Apoinme – sejam parceiros da Plataforma e participem desse espaço, somando com a produção audiovisual de seu grupo e sua comunidade.

Agradecemos a Marcelo Tinguí-Botó (Tinguí Filmes), Kleber Xukuru e Diego Xukuru (Ororubá Filmes), Alexandre Pankararu e Graciela Guarani (Olhar da Alma Filmes), Hugo Fulni-ô (Coletivo Fulni-ô de Cinema), Tayho Fulni-ô (Thul’se Audiovisual), Isael Maxakali e Charles Bicalho (Pajé Filmes), Olinda Muniz Wanderley (Yawar), Célia Tupinambá, Edgar Xakriabá (Etnovisão), Alice Gouveia e Carla Francine (Casa de Cinema de Olinda) por serem ponte de diálogo com os seus grupos e por compartilharem seus filmes conosco.

SESSÃO ESPECIAL

Marco Temporal

16 de dezembro | 15h

Lançamento do filme “Tempos de resistência”
Diálogos com: Cris Pankararu, Ana Pontes e Alexandre Pankararu
Mediações: Felipe Milanez

Saiba mais

/d

SESSÃO ESPECIAL

Coletivos Audiovisuais Indígenas

13 de dezembro | 15h

Diálogos com Vanuzia Pataxó, Tayho Fulni-ô e Marcelo Tingui
Mediações: Sérgio Borges e Karliane Nunes

SESSÃO ESPECIAL DE ABERTURA

Narrativas audiovisuais em contexto indígenas

06 de dezembro | 15h

Lançamento dos filmes Cabeça Seca e Limonago Toype. Terra dos Ancestrais
Com Silvio Tendler, Vanúzia Pataxó, Marcelo Tinguí e Kleber Xukuru
Coordenação: Marina Fasanello

Saiba Mais

/d